"Deveríamos ser capazes de recusar-nos a viver se o preço da vida é a tortura de seres sensíveis". Gandhí
"Um ser humano é parte do todo, que nós chamamos de Universo, uma parte limitada em tempo e espaço. Ele experiencia a si mesmo, seus pensamentos e sentimentos, e algumas vezes se separa do resto - uma espécie de ilusão ótica de sua consciência. Esta ilusão é uma espécie de prisão para nós, nos restringindo aos nossos desejos pessoais e à nossa afeição pelas poucas pessoas mais próximas a nós. Nossa tarefa precisa ser libertar-nos desta prisão a partir da ampliação do nosso círculo de compaixão para abraçar todas as criaturas vivas e toda a natureza em sua beleza. Ninguém é capaz de alcançar isso completamente, mas a aspiração por tal realização é em si mesma parte da libertação e um fundamento para a tranqüilidade interior.- Albert Einstein (1879-1955), New York Post, 28 November 1972.



Namastê!

Bon Apetit!

12 de julho de 2008

Doce de abóbora em calda


Esse doce de abóbora é a especialidade da minha mãe! =]
É meu vício, adoro!!! Esse eu posso encher a boca e dizer com muito orgulho "O doce de abóbora que a minha mãe faz não tem igual! É o melhor do mundo!!!" (Viu mãe!!! ;***) =DDD
O segredo é o seguinte...
CAL!! Isso mesmo! Cal alimentício, é claro! ;P
É ele que faz a abóbora não despedaçar toda e ficar em cubinhos.
Vamos à receita:
1kg de abóbora
¹/2 kg de açúcar
1 "boneca" de cal virgem (alimentício ;P)
Cravo-da-Índia à gosto
Descasque a abóbora, corte em cubos e deixe de molho na agua junto com a boneca por no mínimo duas horas.
Em uma panela coloque os cubinhos de abóbora, o açúcar e deixe apurar até formar uma calda em fio (isso leva mais ou menos 30/45 minutos). E por ultimo adicione o cravo.
~>>Para a boneca: Com um quadradinho de pano (10x10 +-) coloque cal suficiente para formar uma trouxinha e a amare-a com um elástico bem forte.
Se quiser fazer o doce desfiadinho, dispense a boneca e adicione uma colher de sobremesa de creme vegetal e coco ralado à gosto no final.

5 comentários:

Bruxa disse...

Ola...Estava procurando um receita de doce de abobora e parei em sua pag...Seguirei sua receita,minha Vó fazia um que era uma delicia,mas eu era criança e não sabia o quanto seria interesante ter uma receita vindo dos mais velhos...Hoje descubro a falta que faz.Obrigada pela receita.

Stella

eu criança disse...

a receita é maravilhosa adoro esse tipo de doce q fica uma casquinha por fora da abobora , mas nao sei o que é uma boneca de cal??? podem me explicar???

LaGama disse...

A boneca de Cal é uma trouxinha com cal dentro, tem explicado ai em cima como faz..."boneca" é modo de dizer, minha mãe que fala assim rsrsrs...na verdade fica parecendo um ovinho de páscoa, bem diferente da idéia de uma "boneca".

Bom, não sei se consegui tirar a sua dúvida, caso ainda não tenha, especifica exatamente o que vc não entendeu que eu tento explicar melhor, sem problemas!

Um beijo e obrigada pela visita!

LaGama disse...

De nada Stella! ;]

Maria disse...

Estou fazendo o doce mas pensei que teria que acrescentar água. Vejo que sua receita não vai água então vou segui-la a risca apenas modificando o quesito cal que minha falecida mãezinha deixava a noite toda de molho com 02 colheres de cal virgem e pela manhã lavava bem cada pedaço.
Cal é cal, não existe cal culinário.

abraçose parabéns pela receita.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails